CIA: vítimas de ‘Controle-Mental’ querem indenização

Publicado: novembro 7, 2010 em Mundo
Tags:

Nenhum homem que não controla a própria vida pode ser considerado livre.

Horácio

Informações da revista TIMES

Desenvolvendo técnicas de cientistas nazistas , o médico Ewan Cameron se tornou um dos mais conceituados psiquiatras do mundo.

Graduado na Universidade de Glasgow, foi recrutado pela CIA durante a Guerra Fria enquanto trabalhava na UniversidadeMcGill em Montreal, Canadá.

Cameron fez experimentos de controle-mental usando drogas como LSD e práticas como eletrochoque em centenas de pacientes, mas apenas 77 das cobaias foram compensadas financeiramente.

Agora a corte Federal de Montreal pretende indenizar 250 pacientes que tiveram seus pedidos de compensação negados anteriormente.

Semana passada, Alan Stein, do escritório de advocacia Stein &  Stein comfirmou que está no processo de contactar seus clientes para apelação:

“Existem aproximadamente 200 pessoas que ainda não receberam compensações”, disse ele. “Este julgamente enviará fortes evidencias para o governo canadense. Aqueles que anteriormente foram negados tem fortes chances na apelação.”

Controle mental se trata de variadas táticas psiquiátricas capazes de subverter controle individual dos seus próprios pensamentos, comportamentos, emoções, ou decisões. O conceito é parecido com a hipnose mas difere na aproximação prática.

LEIA TAMBÉM:

Quem Pagou a Conta de FHC?

A Verdade Inexorável da Televisão

Anúncios
comentários
  1. […] CIA vítimas de controle mental pedem (e ganham) indenização […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s